Instagram

sábado, 12 de janeiro de 2008

Manutenção da intolerância

Crianças palestinas queimam bandeira estadunidense


Fazia um tempo que eu não me chocava com alguma notícia. Durante esses dias tudo é tão comum que eu chego a ficar com medo de um dia não sentir mais nada, parece que nasce em volta do meu coração uma cápsula protetora. Quando abro o jornal lá estão, se ligo a tv também, e nas páginas da internet então, nem se fala... Imagens do fim, histórias macabras, personagens reais parecidos com ficção. E na manhã do dia 11, vi uma cena que diz mais do que mostra. A foto prevê o futuro, traça uma sina. As crianças não são mais inocentes, perderam o seu brilho e desde muito cedo aprendem a quem devem odiar. E assim as guerras continuarão e a cada manhã a semente da desigualdade será semeada. E você pode pensar: "Mas elas estão certas"... Melhor seria falar sobre esperança em dias mais suaves e claros, talvez em outra oportunidade eu me detenha a esse assunto tão démodé.

Um comentário: