Instagram

segunda-feira, 21 de abril de 2008

O segundo que antecede o vôo.

"Escolhi o dia 20 de abril porque é justamente na lua cheia. Uma alegria você poder contemplar aquele luar espetacular", conta o padre Adelir de Carli. (em 03/03/08).

Ele se preparou para bater seu record. Desta vez seriam 20h voando, sem interrupções. O diferencial estaria no meio de transporte: balões de festa gigantes!
Desde pequeno tinha esse sonho. Quando via nos desenhos aquelas pessoas subirem aos céus apenas com os balões coloridos cheios, sentia que era isso o que lhe daria alegria, sim, era isso o que ele faria de diferente no mundo. E assim fez.
Mesmo com o tempo não favorável, partiu na manhã do dia 20 de Paranaguá, após a missa. Em outras vezes tudo tinha dado certo e ele precisava sair neste dia, para ver a Lua.
Mas os ventos o levaram para longe da rota, fazendo com ele chegasse perto do mar. Não. Isso não estava nos planos.
E as manchetes de hoje anunciam: "Padre Adelir está desaparecido".

Mas há quem pense que ele enfim se encontrou, lá, bem longe, pertinho da Lua.

Texto não necessariamente condizente à realidade.
Outras fontes:
http://www.tvcanal13.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário