Instagram

segunda-feira, 6 de agosto de 2007

06 de agosto de 1945


"O homem é o animal que pensa"... Será?

*Hiroshima - Japão - 06/08/45
8h15min - O Litlle Boy (nome 'carinhoso' da bomba atômica norte-americana) cai sobre a pequena cidade banhada pelo Rio Ota.

8h16min - Mais de 100 mil pessoas mortas. 90% da população foi eximada no momento da explosão.

“Havia uma enorme nuvem de cogumelo no ar. Eu não esquecerei o que aconteceu hoje. Perdi minha casa, meus amigos, meu pai e meu irmão. Perdi minha cidade”, Takashi Yamamoto, 10 anos.

Numa guerra não se perdem "milhares de pessoas"...
Perde-se um professor de Literatura,
e um garoto que gostava de Jazz.
Perde-se o primogênito da família
e também a menina que não usava saias.
São pessoas especiais, importantes, únicas....
Ela morreu com a mão esticada, a boca úmida
e a mente cheia de dúvidas de uma adolescente de 15 anos...
Ele não se despediu de seu filho que, na manhã deste dia, tinha aprendido a andar.

Talvez todos fiquem satisfeitos em esquecer daqueles que não foram o que seriam.
Mas 100 mil pessoas morreram naquela manhã, há 6 décadas atrás.
Não foi na ficção.
E o que impede que isso aconteça amanhã?

Nenhum comentário:

Postar um comentário